Jair Bolsonaro faz Homenagem ao maior torturador do Brasil - LoGaToLoKo

Recente

23/04/2016

Jair Bolsonaro faz Homenagem ao maior torturador do Brasil

Dilma em entrevista para a imprensa internacional.
                               
                           
Como todos estão vendo, estamos passando por uma fase bastante complicada na nossa política. No dia 17/04/2016, na câmara dos deputados ocorreu a votação para o impeachment da nossa atual presidente da república, no qual foi foi aprovado por 367 votos dos 513 deputados. Muitos deles quando foram falar se eram contra ou a favor do impeachment, fizeram declarações para família, primos, cunhados e colocaram até Deus no meio da história e uma das histórias que repercutiu no dia seguinte foi a da deputada de minas gerais, Raquel Muniz (PSD), que votou a favor do impeachment e por ter elogiado seu marido (Ruy Muniz- prefeito de Montes Claros) por ser um bom prefeito, mas no dia seguinte foi preso, previamente, pela polícia federal.

De acordo com a investigação da Polícia Federal, o prefeito é suspeito de impedir a existência e o funcionamento de hospitais públicos e filantrópicos que atendem pelo SUS deixando de presta serviços pela rede municipal. O objetivo, segundo o levantamento, seria favorecer um hospital particular que pertenceria às familiares e ao grupo econômico deles. A operação foi nomeada "Máscara de Sanidade II - Sabotadores da Saúde".

Incrível que a deputada, com certeza, sabia de tudo e ainda falou tudo aquilo na votação para tirar nossa presidente do seu governo e ainda vem falar que é por um Brasil melhor, para livramos da corrupção, sendo que seu próprio marido está deixando a deseja no seu município onde governa, tirando da saúde pública, que quase num tem nada, para investir num hospital particular de interesse deles. Vamos ser menos "cegos" galera!




Outro fato que deixou muitos brasileiros chocados foi a homenagem de Jair Bolsonaro ( PSC-RJ ) para o coronel Carlos Brilhante Ustra, considera um dos maiores torturados do Brasil na época da ditadura militar, na qual milhares de pessoas foram torturadas, as vezes até a morte, durante esse regime, pelo seu comando. Dilma Rousseff foi uma das pessoas torturadas pelo coronel Ustra e num votação contra a corrupção, para um Brasil melhor e um ser desse vem e faz uma "homenagem" para pessoa que não teve pena de mandar torturar várias pessoas e depois dormir com a consciência limpa.

Quem são essas pessoas que estão nos representando no governo? Será que eles chegaram lá sem nós? Fazemos parte de uma república onde o povo tem o direito de votar em que achar melhor e fico-me perguntando como ainda existe pessoas desse nível governando esse país. O país está entre tirar ou não a presidente do governo, mas muitos que vestiram a camisa da seleção brasileira nem sabe o que está acontecendo de verdade e está nas manifestações só por está, sem saber pelo que lutar.

Vejo o vídeo 




Será que todos que estão vestindo essa camisa sabem mesmo o que estão fazendo, pelo que estão lutando?

Sou a favor de um governo melhor, com menos corrupção, a favor da população, de uma saúde pública de qualidade, de uma educação pública excelente, mas parece uma utopia falar que isso pode existe no Brasil. Estamos em ano eleitoral, pensem bem em quem vão votar, muitos deles, de alguma maneira, são corruptos, mas devemos pensar e eleger os que podem fazer o melhor pelo nosso povo. Não sabemos ao certo quem vai fazer algo por nós, classe média baixa, os famosos baixa renda, que tem que todos os dias lutar e batalhar para ter uma condição melhor, diferentes dos de camisas verdes, que muitos deles, já têm tudo.

Até a próxima galera ;)